Viva. As Cidades

"3" Post(s) arquivados na Mês: dezembro 2018

Memorial Árabe

Se Maomé não vai até Curitiba, Curitiba vai até Maomé - Parte 1

Estes próximos 3 posts são a respeito das construções árabes mais marcantes da cidade: as que vocês turistas não podem deixar de conhecer; que os residentes batem no peito com orgulho ao mostrar essa diversidade cultural, de arquitetura peculiar! De gastronomia única! Vamos falar dos… Habib’s! São várias unidades espalhadas pela cidade que… Brincadeira! Dedicamos esses espaços para falar das duas principais referências arquitetônicas árabes de Curitiba, que entram tranquilamente na rota turística da capital, não somente por estarem perto de vários outros pontos turísticos, mas por serem realmente interessantes. De quebra, indicaremos pra vocês um boteco super clássico, que provavelmente apenas os moradores da cidade frequentam. Vamos falar do Memorial Árabe, da Mesquita de Curitiba (Mesquita Imam Ali ibn Abi Talib) e do bar Baba Salim.

Memorial Árabe

Memorial Árabe (Foto: Rafael Belli Soares)

Localizado na Praça Gibran Khalil Gibran, no Centro Cívico, tem como vizinhos o Passeio Público (tema para um futuro post), o Colégio Estadual (outro de belíssima arquitetura), a Praça Didi Caillet de Leão (que tem uma linda árvore, uma Nogueira que está entre as 58 Continue lendo

Mesquita Imam Ali ibn Abi Talib

Se Maomé não vai até a Curitiba, Curitiba vai até Maomé - Parte 2

Esse é o nome correto, mas, convenhamos, muito mais fácil chamar de Mesquita de Curitiba. Localizada no bairro São Francisco, na Rua Kellers, 383, ela pode ser visitada aos domingos, das 10h30min às 13h30min (para quem quiser visitar em outro dia da semana, é necessário ligar para lá e agendar um horário – 41 3222-4515) – a dica que damos, então, é meio óbvia:  conheça a Feira do Largo da Ordem, que acontece na frente, e dê um pulinho dentro da mesquita. Importante ressaltar que para entrar no local é necessário estar descalço e vestido de forma apropriada; a própria mesquita fornece lenços (hijab) às mulheres, que podem ser mais longos ou mais curtos, dependendo da roupa que estiverem usando. O negócio é entrar no clima e respeitar a cultura do local. Ah! A entrada é gratuita!

Mesquita de Curitiba, domingo. Sempre muito visitada! (Foto: Rafael Belli Soares)

A construção que foi erguida em 2 anos, projetada também pelo Kamal David Curi, e foi inaugurada em 1972. Tem como destaques as Continue lendo

Baba Salim

Se Maomé não vai até a Curitiba, Curitiba vai até Maomé - Parte 3

Não é preciso ir pra lá de Marraquexe para encontrar o Baba Salim, e ao encontrá-lo, cuidado para não ficar pra lá de Bagdá! Esse bar/restaurante libanês (a unidade mais antiga) se encontra na Rua Amintas de Barros, na rua lateral do Teatro Guaíra (tema clássico para um futuro post). Fica a 8 minutos a pé do Memorial Árabe e a 15 minutos da Mesquita de Curitiba.

Ok, a fachada não é das mais bonitas, concordo. Mas como minha mãe dizia: O que importa é a beleza interior! (Fotos: Rafael Belli Soares)

Desde 1998 o local é administrado pelo casal libanês Nazha Chiah e Jamal (que muitos chamam de Baba – fica a seu critério!). No início era mais um restaurante, aberto de dia, servindo principalmente pratos executivos. Era ainda mais simples que atualmente – para se ter ideia, o banheiro ficava do lado de fora do bar: era torcer para não chover na hora do aperto! No início dos anos 2000, Continue lendo


1 2
© 2019 VivacidadesDesenvolvido com por